SOCIOLOGIA EM CONSTRUÇÃO ARTESANAL / ANO 13

América do Sul, Brasil,

segunda-feira, 26 de abril de 2021

Potência de vida

Bernardo Caprara
Sociólogo e Professor

Enquanto o Sol ilumina o horizonte e o café anima o corpo, a vida começa a se mover. Motivado por um vídeo na internet, revisito alguma Filosofia em páginas amareladas.
 
É Baruch Spinoza, filósofo no século XVII, quem me ajuda a pensar no efeito que o Sol e o café podem ter. Essa dupla me afeta e vai me dando energia, até que a vida vai ficando mais colorida. 
 
Para Spinoza, existir é a capacidade de afetar e ser afetado, a capacidade de agir no mundo. Isso demanda energia vital, que ele chama de potência de agir. Há o que diminua essa potência (tristeza) e o que a aumente (alegria). 
 
Assim, existir é também oscilar. Boa parte das decisões que podem bombar ou reduzir nossa potência ultrapassam nossas próprias decisões. Na arte da vida, tão cheia de limites e possibilidades, Spinoza diz bem: vale identificar o que aumenta nossa alegria, porque, sabendo, agimos com amor.