SOCIOLOGIA EM CONSTRUÇÃO / ANO 12

América do Sul, Brasil,

quinta-feira, 30 de abril de 2020

Agradecer

Bernardo Caprara
Sociólogo e Professor

Em casa, agradecer tem sido a minha pauta diária. Amanheço agradecendo ao amor da Kambili, essa peluda sempre tão presente e carinhosa.

No café da manhã, agradeço aos meus familiares mais próximos, por todo o amor e cuidado que me dedicam.

Enquanto me preparo para leituras e afazeres, sou grato pela educação que tive, da escola ao doutorado, e por nunca ter me faltado um lar, comida e algum lazer.

Quando a atenção dispersa, penso no carinho das pessoas. Bate uma gratidão enorme pelo amor que vivi durante 13 anos, e por todos os amigos/amores que a vida me deu há muito ou pouco tempo.

Chego ao fim do dia grato demais pelo Sol, pela praia e pelo mar, a bola pro alto, os lugares que conheci, os livros que ouvi, os discos que li, os alunos com os quais tanto aprendi.

Se o país em que vivo tá cheio de gente defendendo o lucro acima da vida, sem sequer cogitar que a sociedade (via Estado) deve amparar quem precisa, eu sou grato por não estar entre essa galera.

E aí, quando vejo a lua e as estrelas, só consigo sorrir. Até aqui, sou um privilegiado. Sorrindo, posso agradecer amanhã quando acordar outra vez.
.